Fundo

terça-feira, 31 de julho de 2012

Sem caminhão, não tem sopão!

Hoje, existem pelo menos 4 pontos de bloqueios na Rodovia Presidente Dutra (Resende, Porto Real, Piraí e Barra Mansa), a rodovia mais importante principal interligação entre os estados do RJ e SP. E esses não são os únicos estados envolvidos, também estão com bloqueios rodovias nos estados do Paraná, Minas Gerais, Espírito Santo e Bahia.


Embora só se fale de uma causa, a manifestação foi iniciada devido 3 causas que levam a categoria a essa greve nacional, são elas:

1. a ANTT (Agência Nacional de transportes Terrestres), devido a uma alteração na lei vigente, permitiu a entrada de mais de 600 mil veículos na operação de frete no país o que levou a concorrência desleal e jogou o frete rodoviário a valores que não cobrem as despesas mínimas de viagem;

2. foi instituído o Cartão-Frete, uma forma de pagamento na qual proibe os caminhoneiros de receber dinheiro ou cheque. Essa modalidade obriga a operação do cartão com valores de frete defasado; além destes cartões não serem aceitos em fornecedores de materiais e postos de gasolina;

3. e finalmente, o assunto mais comentado, o regulamento sobre tempo de direção, no qual a ANTT instaurou a obrigatoriedade de descanso de 11 horas em rodovias, sem oferecer nenhuma infraestrutura de apoio, local para higiene e seguraça. Com esse regulamento o caminhoneiro passa a ser obrigado a ficar deitado na cabine do caminhão na margem da estrada durante as 11 horas, porque, se ele viajar e não cumprir a lei, será multado.

Hoje no CEASA e CADEG, centros de distribuição aqui do RJ, a batata inglesa já está com reajuste de 150%; o tomate passou de R$3,00 para R$6,00 o Kg e a laranja de R$15,00 para R$25,00 o pacote de 5Kg.

No fim de semana fui para SP agir algumas coisinhas de obras do apê e preferi voltar de ônibus na noite de Domingo. Uiiii q azar!!! Saí do terminal Tietê às 23h e cheguei ao RJ às 14h da 2a feira. Isso mesmo, foram 15 horas de viagem. Ficamos das 03h às 10:30h parados no mesmíssimo lugar quando liberarm uma das 3 pistas da rodovia para a assagem de carros e ônibus. Ainda bem que me entupi de remédios e não senti muita dor em virtude das complicações abdominais que tenho tido! Ainda bem tb que não havia nenhuma grávida ou criança no bus.

Pois bem, se acordos não forem feitos, nosso ministro dos transportes não rever rapidamente a lei e nossa Presidenta mantiver a frase "Só ando de avião e trem!", não dando aos caminhoneiros o devido respeito, a manifestação será mantida e ampliada e com isso... mercadoreias faltarão nas feiras, produtos não chegarão às empresas, pessoas continuarão impedidas de ir-e-vir e o país terá um nó difícil de ser desatado. Ahhhhh, e sem caminhão não tem sopão nesses dias de frio??

E pq estou falando tudo isso? Pq hoje, é um excelente dia para pensarmos em deveres e também direitos. Leis são fundamentais, mas coerência também!!

Bjokas e um dia de reflexão para tds nós. ;D


Nota: Parte desse texto foi extraído do site do Jornal do Brasil, nesse link aqui.

Um comentário:

✿ chica disse...

E a danada da coerência tá faltando muito por aí.

Que coisa!!!

beijos,chica